• Amanda Ferreira

Quais os estilos na decoração?




Você gosta de decoração, mas não sabe como identificar o seu estilo e nem como aplicá-lo em seu ambiente?


Tudo em nós comunica, então nosso espaço é reflexo de quem somos e o queremos transmitir

.

Aqui listo um processo que irá te ajudar nessa descoberta.


  1. Tenha uma pasta de fotos, produtos, lugares que você gosta. Pode fazer isso, com pastas no Pinterest, por exemplo. Com recortes de revistas, retalhos de tecidos, pedaços de cerâmicas ou folhas, tudo que possa produzir um painel com elementos que você se identifica.

  2. Com essa seleção, faça montagens para cada ambiente. Mesmo que goste de tudo na mesma cor. Pois cada cômodo da casa transmite e desperta sensações diferentes. Sua casa não precisa ter a mesma cor, por exemplo, em todos os cômodos, desde que essa composição seja equilibrada.

  3. Construa padrões, com essas imagens e elementos, pode ser cor, material ou texturas. Nisto saberá quais elementos fazem parte da sua personalidade.


Com essa etapa feita, irei apresentar 4 estilos de decoração. Agora está mais fácil. Com seus painéis montados e conhecendo as características de cada estilo, irá clarear suas ideias para montar seus ambientes com mais segurança e alegria.


MINIMALISTA


Com uma aparência limpa, sem excessos, ambientes modernos, claros mas com refinamento e elegância.

A frase que se aplica aqui é ‘’ menos é mais’’. Poucos elementos para compor o ambiente, que transmitiam espaços amplos e que prevaleça a funcionalidade. Para isso, a melhor opção é utilizar móveis multifuncionais.


Características:


Os móveis são baixos, elegantes e simples. Cores neutras predominam, como o cinza, tons pastéis, branco e preto. Poucos objetos decorativos. O ideal é eleger alguns que sejam bem marcantes para criar pontos focais. Espelhos, que dão a sensação de amplitude, sempre optando por design de mobiliário com linhas retas.

Se achar cansativo a monocromia, utilize pontos de cor, com moderação para alegrar o ambiente.



ESCANDINAVA


Decoração atemporal que tem como base a simplicidade da vida nos países nórdicos. Aconchegante e agradável é parecido com o minimalista, na composição de linhas retas, cores brancas na mobília e uma paleta de cores neutras e muita incidência de luz natural.

Os elementos decorativos dão vida aos ambientes, sendo estes com cores, mas sempre em tons claros.

A combinação entre elementos clássicos e tradicionais com itens modernos, torna-se uma combinação estilosa, se aplicada com harmonia.


Características:


Mantas de lã sobre o sofá, tapetes de pelo e almofadas acrescentam conforto à modernidade dessa decoração. Quadros com molduras e encostados no chão ou em prateleira e fios de lâmpadas aparentes e luminárias modernas. Plantas penduradas e livros.



INDUSTRIAL


A transformação de antigos galpões em lofts modernos. Essa é a essência do estilo e que hoje é sinônimo de sofisticação. Espaços amplos, rudimentares e integrados. Mistura elementos rústicos, contemporâneos e vintage.

A intenção é revelar elementos primários das construções, que são paredes e tetos sem acabamento. A rigidez ganha leveza com a suavidade da decoração. Espaços com luz natural, portas largas, os ambientes são multifuncionais.


Características:

Tubulações aparentes, concreto, madeira, metal e vigas expostas. Por isso, o pé direito costuma ser alto. Luminárias em cobre ou alumínio e paredes de tijolo aparente ou com revestimento de cimento queimado são marca registrada.

elementos brutos, pedra, esquadrias mais marcadas. Texturas como, couro, concreto e metais. Cores fortes e sóbrias. Pendentes e trilhos na iluminação artificial.





VINTAGE


A casa que conta história. Que remete ao passado. Para quem gosta de cores, aqui vai uma opção. Elas são vibrantes como laranja, rosa, azul e amarelo.

O uso da mobília antiga, seja herdado da família ou garimpados em antiquários. Para dar vida a esse ambiente é importante que as peças sejam de qualidade, que ‘’resistiu ao tempo e chegou até aos nossos dias’’. Por isso, muitas vezes tem grande valor.

Não confunda com o estilo retrô, que são peças novas inspiradas nas décadas passadas. Mas irei abordar esse estilo em uma próxima edição.

Sabe aquela cristaleira da sua avó, a vitrola que seu avô tinha na sala, e a geladeira vermelha na cozinha? Sim, essas memórias que você conseguiu visualizar, fazem parte do estilo vintage.



Características:


Moldura de madeira trabalhada em arabescos, almofadas de crochê, toalhas e guardanapos de tecidos, porcelana decorada, posts antigos, estampas florais. Móveis com pés palito, característico dos anos 50. Objetos de decoração como telefones, máquinas de escrever, máquinas fotográficas antigas.




Você pode misturar estilos. Mas cuidado!! É importante saber como combinar para sempre criar ambientes com harmonia.


Exemplo, se gosta de um ambiente minimalista, mas acha um pouco pálido, adicione cores para alguns elementos, como: almofadas, quadros com obras de arte, com mais cor, mantas, texturas , fotografia, vegetação. Ou leve elementos vintage para este ambiente. Viu, como é possível misturar? Agora é só criar, reaproveitar e decorar sua casa com muito estilo.


Explore nosso site e veja nosso trabalho, entre em contato e será um prazer transformar em realidade o que você precisa para sua casa.




41 visualizações